Saúde

Comissão analisa relação entre

telefonia celular e câncer

A Organização Mundial de Saúde (OMS), desde 1996, mantém grupo de estudos e avaliação sobre os possíveis riscos da radiação eletromagnética utilizada nas tecnologias de comunicação sem fio, como a telefonia celular.

Recentemente, a OMS admitiu que existem evidências de que este tipo de radiação pode causar alguns tipos de câncer, classificando-a como 2B (possivelmente carcinogênica).

A Comissão de Saúde e Meio Ambiente, presidida pela deputada Marisa Formolo, vai analisar os riscos da radiação eletromagnética não ionizante da telefonia celular em um seminário aberto à população no dia 12 de novembro, a partir das 9h30, no plenarinho da Assembleia Legilstiva.

O seminário visa discutir e alertar sobre os riscos da telefonia celular, especialmente para as crianças, adolescentes, gestantes e idosos, bem como problematizar a atual legislação e a fiscalização sobre esse tipo de poluição.

As inscrições são gratuitas pelo e-mail csma@al.rs.gov.br

 

 

Publicado em 23/10/2012 às 18:33

Denise Ritter, a partir de convite da CSMA

Compartilhar

Deputadas Estaduais

Stela Farias

Líder da Bancada

Stela Farias

Miriam Marroni

Vice-líder Partidária

Miriam Marroni

 

Deputados Estaduais

Luiz Fernando Mainardi

Vice-líder da Bancada

Luiz Fernando Mainardi

Tarcísio Zimmermann

Líder Partidário

Tarcísio Zimmermann

Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101/506 - Porto Alegre-RS - Fones: (51)3210-2913 (Bancada) e (51)3210-1123 (Imprensa)
ptsul@ptsul.com.br

Projetado, desenvolvido e mantido pela coordenadoria da Bancada do PT/AL-RS

Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Adaptada